sábado, 28 de junho de 2014


"Mexi na maçaneta da porta e, para minha surpresa, ela virou com facilidade e a porta se abriu. Fiz uma pausa momentânea; uma vida longa e cheia de maldade me ensinou que, com frequência excessiva, uma surpresa desagradável está nos espreitando por trás da porta. É claro, essa surpresa normalmente tinha sido Eu, mas a precaução nunca é demais"

Dexter Morgan (Dexter em Cena)

sábado, 24 de maio de 2014

"Sou um completo ignorante nas questões sexuais e emocionais humanas, mas sei o suficiente para saber que quase nada nesse departamento é garantido. Cada pessoa é diferente, cada uma tem expectativas diferentes, e não há duas que tenham a mesma experiência, mesmo quando a compartilham. Baseado no que eu posso dizer, a coisa toda se parece com duas pessoas falando línguas diferentes que têm as mesmas palavras; tudo tem o mesmo som, mas as palavras têm significados diferentes em cada língua. Para uma pessoa, amor quer dizer sexo; e, para a outra, quer dizer para sempre - dois sentidos completamente diferentes e, entretanto, até a pronúncia das duas sílabas é a mesma"

Dexter Morgan (Dexter em Cena)

sábado, 10 de maio de 2014


"Tem gente que esquece o que é ter 16 anos quando faz 17. Sei que tudo será história um dia e que nossas fotos vão se tornar lembranças. E todos nós nos tornaremos mães e pai. Mas no momento, estes instantes não são histórias. Tá acontecendo, e eu to aqui e to olhando pra ela por que ela é tão linda.Eu consigo percebe. O momento em que você sabe não ser uma história triste. Você tá vivo. Você se levanta e vê a luzes dos prédios e tudo que te faz pensar. Ouve aquela música na estrada com as pessoas que você mais ama no mundo. E nesse momento, eu juro, nós somos infinitos."


As Vantagens de Ser Invisível

sábado, 8 de março de 2014

"Daqui a alguns anos você estará mais arrependido pelas coisas que não fez do que pelas que fez. Então solte suas amarras. Afaste-se do porto seguro. Agarre o vento em suas velas. Explore. Sonhe. Descubra."

Mark Twain

domingo, 26 de janeiro de 2014

"Não tenho vergonha de reconhecer meus modestos talentos. Por exemplo, sinto-me feliz em admitir que sou melhor que a média das pessoas quando se trata de comentários inteligentes, e também tenho um talento especial para fazer as pessoas gostarem de mim. Mas para ser justo comigo, estou sempre pronto a confessar meus defeitos, e um rápido exame de consciência me obriga a admitir que nunca fui bom em respirar debaixo d'água. E agora, ali preso pelo cinto de segurança, atordoado e vendo a água fluir ao redor da minha cabeça, esse detalhe começou a parecer um grave defeito de caráter."


Dexter Morgan (Querido e Devotado Dexter)

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Não Faz Sentido



Não faz sentido querer mudar o mundo para que ele se adapte a você.
Não é correto querer ser o Rei de tudo quando não controla nem o que irá fazer.
É necessário entender, aprender, que as coisas irão sempre acontecer.
O mundo segue seu rumo, você apenas escolhe se irá fechar os olhos ou sentar pra ver.
Você pode gritar, chorar, fazer juras a Deuses ou a si mesmo, nada mudará, é necessário aceitar.
Fazer uma escolha nem sempre significa que aguentará o peso das consequências. Mas é necessário aguentar.
Suas vitórias, por mais compartilhadas que se faça ser, no fim, são apenas suas. Sendo estas algumas ou menos ainda.
Suas derrotas embora sofridas ao lado de amores de sua vida, não serão amenizadas ou esquecidas. Estará pra sempre aberta esta ferida.
Então o que fazer, se desesperar? Não, você jamais deve pensar em parar de sonhar.
Vitórias ou Derrotas, qual deve pesar mais? Aquela que te fizer levantar e não parar de correr atrás.
Alegrias tú viverás. Espero apenas que aproveite, pois todas estas, até a "alegria eterna", acredite, acabará!
Se um bom momento acaba, levante-se e faça outros.
Não se dê uma falta de sorrisos, que tem tão bom gosto o tal do riso.
Estou sendo pessimista ou dramático? Talvez no seu ponto de vista. No meu, estou sendo friamente realista.
Todavia, nem tudo são lágrimas. No futuro restará o orgulho de ter trilhado este caminho.
Se lembra de todos os colegas, amigos, namoros e todos os outros que algum dia lhe deram carinho?
Se lembra dos momentos que se sentiu fraco e se descobriu forte por não ter outra opção?
Se lembra dos abraços e beijos recebidos quando menos esperava. Se lembra daquela emoção?
Sim, merdas acontecem. Aceite e cresça.
Mesmo assim não desista, não deixe que o sonho desapareça.
O que quero com tudo isso dizer? Vai sofrer, chorar e deve aceitar? Ao mesmo tempo que deve ter felicidades, orgulhos, vitórias e não parar de sonhar?
Você se conhece? Alguém conhece você? Tem certeza?
Quando te conhecerão, vale a pena mostrar-se cheio de tristeza?
Se te acontecerão coisas boas ou ruins, você não pode mudar, pode acreditar.
O que se pode fazer é rir e sempre sorrir, quem sabe assim a avareza não se consegue espantar?
Não faz sentido querer mudar o mundo para que ele se adapte a você.
Não faz sentido desistir de tudo porque não aconteceu tudo do jeito que deveria acontecer.
Aceite e persista, pois, cair e se levantar, se machucar e arriscar, são coisas que sempre farão parte da vida.

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Só Nosso


Nossa relação é só nossa em todos os mínimos detalhes.
Mesmo que tenha tido um fim, mais prematuro do que eu desejaria, não me arrependo de nada!
Nossos momentos, bons ou ruins, foram apenas nossos e de mais ninguém, mesmo que terceiros tenham participado, só nós sabemos o que aqueles simples momentos significaram.
Porém, mesmo os nossos momentos tiveram significados diferentes para mim e para você.
Como por exemplo, a primeira vez que te vi pessoalmente, pareceu que o mundo era só nosso e tinha me esquecido de tudo que vivi até aquele momento e nem me importava com o que viria depois, só queria continuar te olhando.
Antes de lhe falar um 'oi' já estava apaixonado.
Pra você pode ter sido diferente, você pode ter visto simplesmente um cara estranho na sua frente, mas uma coisa eu tenho certeza, sem nem precisar te perguntar, você soube na hora que estava se aproximando de você alguém que você iria levar pra vida toda.
Eu sei que você soube.
Eu também soube.
Foi algo só nosso que não pode ser explicado por lógica.
Nossas lembranças são apenas nossa.
Nossos sentimentos são apenas nosso.
Nossa vida é apenas nossa, mesmo que não continue seguindo o mesmo caminho.
Pode ter acabado, ou talvez dado uma simples pausa, não conheço o futuro para afirmar.
Mas conheço o nosso passado, e uma das maiores certezas que eu tenho é que quando fecho os olhos e lembro de tudo que vivemos, é impossível não aparecer um sorriso em meus lábios.
É até engraçado, ficar com cara de bobo por que lembrei de um fim de tarde passado ao seu lado.
Talvez não acreditamos em tudo que foi dito entre a gente, as vezes brincando ou até palavras proferidas de cabeça quente.
Mas acredito em tudo que foi vivido.
Tudo que aconteceu, aconteceu por que tinha que ter acontecido.
Nossas brigas? Fundamentais! Como iria poder dizer que te conheci se não sabia o que te irritava?
Nossos dias de tédio? Essenciais! Acredite, minhas melhores lembranças são sobre os dias que ficava a te olhar quando você bocejava.
Tudo que vivemos serviu para eu aprender sobre você, para eu gravar sua imagem em minha alma e no meu coração, para eu poder repetir pela milésima vez a mim mesmo que jamais me perdoaria se lhe provocasse uma lágrima que não fosse de alegria.
Se acabou, vou me lembrar dos dias de risos, de brincadeiras e de festas como também me lembrarei dos dias que passamos brigados, dos que não tínhamos o que falar ou dos dias que não te via e ficava a pensar em você o tempo todo.
Pode ter acabado, mas o que vivi, o que senti, jamais será apagado.
É seu direito duvidar do que quiser, mas jamais se questione se algum dia eu realmente havia lhe amado.
Sim, havia! Amei muito e ainda amo! Amo-te demais para te esquecer, passando um dia ou uma década.
Podemos deixar de nos falar por razões da vida e cada um seguirá seu caminho.
Nosso caminho pode voltar a se esbarrar ou não, sei lá!
Só sei que aqui você sempre encontrará um sorriso, um amigo e um “lar”.
O que vivemos foi só nosso e de mais ninguém!
Não direi adeus, apenas um até logo.